Quarta-feira, 23 de Julho de 2014

 
ninguém tem paciência para um deprimido. muito menos outro deprimido. a depressão é como uma constipação mas com o botão da empatia desligado: acontece a qualquer um mas ninguém quer estar por perto quando um gajo espirra. e no fundo os outros acham sempre que a culpa é nossa se estivermos constipados. isso foi ele que apanhou chuva, ou não vestiu o casaco, ou esteve ao pé de alguém e não devia. se um gajo está deprimido é igual. a percepção alheia é, mais ranho menos ranho, a mesma coisa: daqui a uma semana aquilo passa-lhe, que o gajo é mas é malandro.

eneduá: não leiam nestas parcas e redutoras palavras qualquer crítica à insensibilidade social para com a depressão (ou a constipação, já agora). um deprimido é, regra geral, uma pessoa insuportável. santinho.

 

um tal de joão gaspar

despesadiaria às 07:00
|

.Arquivo

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014