Sexta-feira, 8 de Agosto de 2014

 

variações em dó menor

 

o sol já se pôs, o jantar já está no forno, o carro já passou na inspecção. já paguei o ierriesse, já comi os restos de ontem, já marquei o almoço de amanhã. o quarto está reservado, as refeições estão encomendadas, as calças estão engomadas. já lavei os dentes, já massajei aquela dor, já pus o despertador. os convites estão enviados, os amigos confirmados, os outros que se fodam. já comprei o que há-de vir, já paguei as contas feitas, já bebi mais do que eu. já não tenho pressa para nada, já me ri desta tristeza, já chorei doutra alegria. já tomei os comprimidos, de oito em oito horas, já sofri os secundários. a chave fica na porta, há cerveja no frigorífico. já fiz tudo o que pediram, já não peço que não sossego. daqui já não saio, já lá vou devagarinho, já vi o sérgio godinho, já posso morrer descansadinho. 

 

um tal de joão gaspar

despesadiaria às 16:12
|

.Arquivo

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014