Domingo, 21 de Setembro de 2014

 

Disse-me um amigo, um dia, com algum cinismo, que todos nós temos direito a escrever um texto na vida sobre a dificuldade em escrever e não mais do que isso. Não fosse a minha falta de moderação na noite passada e talvez acordasse mais estimulado, não obstante a fisiologia, e com mais razões para o elogio dominical ou para a auto-comiseração, sem que a ideia de escrever sobre escrever me visitasse de novo. Terei já gastado os meus créditos. Porém, não me parece que escrever sobre "escrever sobre escrever" seja a solução indicada e o truque seria evidente. Podia, aliás, optar pela ficção sem ter de incomodar o leitor com o lugar comum do cronista falhado. Não posso, contudo, ignorar a falta de ideias. De pé, em frente à janela, com vista para as traseiras do bairro, tento encontrar um culpado - algo que me desperte para a romantização do quotidiano. Com a brisa a soprar o calor de Setembro e com o corpo a destilar a falta de moderação da noite passada, fico a olhar para os montes e concluo, com alguma simplicidade, que estou feliz. É domingo na Borda d'Água. A serenidade do meio-dia sossega os espíritos da agitação do sábado. A banda tocou, os barquinhos brincavam no Tejo, a Lezíria brilhava, um casalinho de pré-adolescentes entrava na avenida de mãos trémulas e com o coração nos olhos, as médias saíam frescas, cantou-se e fadistou-se num marialvismo inocente pela tarde fora, no cais. Já quase ao anoitecer, um Victorino Martín daria um volteo em Diego Urdiales que não perdoaria a estocada, vencendo o duelo da morte em Logroño. Durante todo o dia mal se ouviram as vozes descontentes e os olhos brilharam curiosos diante do novo edifício que irá, agora, acolher a memória desta humanidade, parafraseando George Bernard Shaw. É toda esta felicidade de existir aqui que monopiliza a minha atenção. Decerto, não haveria muito mais sobre o que escrever, nem nenhuma outra parte em que quisesse estar. For this is where i belong.

 

jorge c

despesadiaria às 13:49
|

.Arquivo

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014