Segunda-feira, 20 de Outubro de 2014

 

na padaria do morais há cacete e muito mais.

 

a ser verdade o último rumor que assombrava a aldeia, a carolina estava grávida do pedro, o mais novo do antunes do talho, que era casado com a matilde, neta da zulmira que tinha ficado orfã muito cedo, que já tinha dois filhos de um casamento em frança, com um pintor famoso de azulejos de casas de banho, galã de uma série lá na frança, dizem, que tinha deixado a mulher para fugir com a portuguesa mas depois arrependeu-se quando os gémeos nasceram atrasados e parecidos com o tó zé, faz-tudo da terra, canos rotos, pequenas obras, instalação de pêvêcês e contraplacados, rachas no estuque, é chamá-lo que o tozé faz, que ele faz tudo, até fez dois filhos duma vez à prima matilde, assegura a gertrudes, que trabalhava à data no hospital e entre uma arrastadeira e outra, arrastou o olho à cama do lado e lá estavam eles, igualzinhos ao tozé, podem crer na gertrudes, que de filhos percebe ela, teve treze ao todo, todos do mesmo homem, pensa ele, ou pensou até morrer, o capitão belmiro, epíteto ganho no tempo da primeira guerra, oitenta e muitos anos bem vividos, dizem os mais antigos, dono da venda e pai de metade da aldeia, há quem mal diga, que cada cachopa que lhe aparecia depois do sol posto ao balcão, levava recado para casa para ler daí a nove meses, uma delas foi a cesaltina, hoje avó viúva do carlinhos, que dizem que é maricas desde que foi estudar para lisboa e voltou com o bicho mau, febres e mau olhado ainda não o mataram mas quase, assevera quem sabe, que aquilo é coisa do diabo, mas a avó rezou e o carlinhos melhorou, andou metido com um doutor da cidade que lhe pagou o tratamento, aceitaram-no na junta, a preencher papelada mas sem falar com ninguém, não vá aquilo pegar-se, o presidente da junta é amigo do pai, sabe, são favores, que isto é mesmo assim, se fosse meu filho não voltava para casa, ai que vergonha, dizem que andou metido em tempos com o pedro, marido da matilde.

um tal de joão gaspar

despesadiaria às 19:15
|

.Arquivo

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014