Sábado, 20 de Dezembro de 2014

 

Animação Cultural

 

Enquanto ela foi buscar gelo à cozinha, passei os olhos pelo salão. Tapetes caros, dois candeeiros japoneses, um poliedro de água suja com três malmequeres recortados, meia-lua de ferro forjado suspensa do tecto. Por cima da lareira um rosto desenhado a carvão, sem moldura. Levantei-me do sofá para o ver mais de perto: seria uma mulher já com idade avançada, de traços vagamente familiares. As sobrancelhas, o maxilar quadrado e o sorriso assimétrico sugeriam o rosto de Mariana, mas os cabelos eram mais lisos (e menos frequentes), os olhos embaciados, o pescoço, quase invisível atrás da queixada enorme, um amontoado de sulcos e trincheiras.

Mariana voltou, deixou cair os cubos de gelo dentro dos copos e veio pôr-se atrás de mim. Uma intuição: «É a tua mãe?»

«Sou eu. Ou vou ser eu, faz mais sentido dizer assim. Há uma ponte em Toledo ocupada exclusivamente por profetas desempregados. Um deles desenha a tua alma gémea, outro mostra-te como serias se fosses do sexo oposto, outro maneja malabares em chamas enquanto recita o teu testamento. Há de tudo.»

«E isto?»

«Isto é suposto ser a minha cara daqui a quarenta e seis anos.»

«Ideia gira.»

«Já me pareceu. Mas o que acontece é que cria uma auto-imagem que não nos é permitido influenciar. É como alguém a ler-nos a sina e depois passarmos o resto da vida a tomar decisões baseadas nesse prognóstico de feira. Não se passa um dia sem que me lembre deste retrato, cinco, dez, quinze vezes. Cada contratempo, cada desilusão, e interrogo-me: será esta a primeira ruga, será hoje que começo a ficar com as córneas amarelas? O espanhol apenas teve de olhar para mim dois minutos e fazer uma piada. Eu tenho de olhar para o espelho todos os dias e ver a piada cada vez mais próxima. Às vezes penso em encher a banheira de cubos de gelo, cortar os pulsos e deixar-me esvair em paz, com esta cara e neste mundo, para nunca chegar àquele, inventado por outro.»

«Credo.»

«Mas depois passa.»

 

Alice G.

 

despesadiaria às 20:15
|

.Arquivo

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014